quinta-feira, junho 26, 2008

Como se fosse um filme

Como se fosse um filme.
Minha mente a sala de cimena
vez em quando sento, assisto, revivo.
Como se fosse real
assim, como se fosse um filme.

5 comentários:

Whisky bemol disse...

Você consegue captar a insustentável leveza que é viver de forma estupenda, cara Ana Bárbara!

Já perdi muito tempo de minha vida por não ter essa percepção afinada que tem você.

Graça Lopes disse...

espero um sinal...na vida real!o veleiro continua á tua espera.

Juan Carlo Moravagin disse...

A questão é....em qual das fatias se passa o filme

Red Foot disse...

nada é real. tudo é representação.

beso

Deborah disse...

Sempre assim.. o importante é que o filme seja bom... irreverente e emocionante...

bj